MONARQUIA TRADICIONAL

Nós seremos livres, nosso rei será livre, nossas mãos nos libertarão
 
InícioInício  FAQFAQ  BuscarBuscar  Registrar-seRegistrar-se  MembrosMembros  GruposGrupos  Login  

Compartilhe | 
 

 Igreja contesta islamização da Europa

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
Ir à página : 1, 2, 3, 4, 5  Seguinte
AutorMensagem
PEDRO
Capitão de Mar e Guerra
Capitão de Mar e Guerra


Número de Mensagens : 20
Data de inscrição : 22/05/2006

MensagemAssunto: Igreja contesta islamização da Europa   Ter 21 Ago - 18:34:53

Igreja contesta islamização da Europa

Mons. Georg Gaenswein declarou que a Europa está a sofrer um processo forçado de islamização e que essas tentativas não podem ser ignoradas, lançando um apelo para que não sejam esquecidas as raízes cristãs da Europa. O secretário pessoal de Bento XVI sublinhou que a identidade cristã europeia não pode ser encoberta ou esquecida, recorrendo a argumentos erroneamente conotados com o respeito pelas outras religiões. Nos próprios países muçulmanos defende-se ciosamente a posição dominante do islamismo. Na Arábia Saudita existe uma política religiosa que vigia o comportamento da população, que encontrou imigrantes filipinos e indianos a rezar o terço e com bíblias em casa. Os cristãos foram presos, todos os seus bens foram apreendidos, e eles foram repatriados. No Irão, Sudão e Mauritânia, se alguém abandona o Islão, é condenado à morte. No Paquistão, por exemplo, perde-se a tutela dos filhos e o direito à herança. Esses e outros casos de violação da liberdade religiosa são ignorados na Europa. Como disse recentemente um padre ortodoxo da Ilha de Chipre: "A islamização da Europa já está em andamento, porque os cristãos já não crêem como antes e a Europa não tem personalidades nem políticos com fé cristã capazes de resistir a isso".
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
IzNoGuud
Almirante da Armada
Almirante da Armada


Masculino
Número de Mensagens : 258
Data de inscrição : 26/12/2006

MensagemAssunto: Re: Igreja contesta islamização da Europa   Qua 22 Ago - 15:08:24

PEDRO escreveu:
Igreja contesta islamização da Europa

Mons. Georg Gaenswein declarou que a Europa está a sofrer um processo forçado de islamização e que essas tentativas não podem ser ignoradas, lançando um apelo para que não sejam esquecidas as raízes cristãs da Europa...

Lol aposto que está a ser feito à ponta de armas...

Tanto quanto eu saiba, igualmente as Religiões anteriormente predominantes na Europa poderiam ter feito a mesma acusação à Igreja Católica...

O que se passa é que a incapacidade de resposta da Igreja Católica, tal como aconteceu antes com as suas antecessoras, estão a levar a que o Islão vá entrando mais e mais na Europa.

Por isso, as "...raízes cristãs..." da Europa, que no fundo são tão válidas quanto as demais raízes (temos imensas raízes Islâmicas no Sul da Peninsula Ibérica e nunca vi ninguém defender a manutenção do Islamismo lá em deterimento do Cristianismo), não estarão a ser esquecidas... apenas a reverter para uma outra forma de entendimento ou visão.

PEDRO escreveu:
O secretário pessoal de Bento XVI sublinhou que a identidade cristã europeia não pode ser encoberta ou esquecida, recorrendo a argumentos erroneamente conotados com o respeito pelas outras religiões...

Lol... só me faltava ver o dia em que a Moderna Igreja Católica revertia para o seu Passado, actualmente tantas vezes criticado ou mesmo renunciado pelas suas posições nada "cristãs" e solidárias e algumas vezes até pela própria.
A Igreja Católica a promover o "ataque" a uma sua opositora, fazendo pouco de um dos valores mais altos que existem na "psique" Europeia que é a da Democracia. Valor este bem mais antigo que as supostas "raízes" cristãs.

PEDRO escreveu:
Nos próprios países muçulmanos defende-se ciosamente a posição dominante do islamismo. Na Arábia Saudita existe uma política religiosa que vigia o comportamento da população, que encontrou imigrantes filipinos e indianos a rezar o terço e com bíblias em casa. Os cristãos foram presos, todos os seus bens foram apreendidos, e eles foram repatriados. No Irão, Sudão e Mauritânia, se alguém abandona o Islão, é condenado à morte. No Paquistão, por exemplo, perde-se a tutela dos filhos e o direito à herança. Esses e outros casos de violação da liberdade religiosa são ignorados na Europa...

Lol... E desde quando a Arábia Saudita, Irão, Sudão, Mauritânia e Paquistão são Nações integrantes da Europa?

Porque deverão estar as mesmas limitadas a códigos de ética ou culturais Europeus?

É esta mania, normalmente associada aos Estados Unidos da América, de querer impor (digo bem... impor) as nossas visões de ver o Mundo aos demais, sem que estes estejam interessados em as receber que tem levado a uma explosão de extremismos em diversos lados.

Primeiro, sabendo que aparentemente não há vistos turísticos para não muçulmanos na Arábia Saudita, simplesmente vistos de trabalho, só se pode viajar para a Arábia Saudita em trabalho e uma pessoa antes de partir numa aventura destas deverá, forçosamente, de se informar sobre as condições de tal situação, em especial se vai mudar de ambiente cultural, de forma drástica, como é o caso.

Segundo, tanto quanto eu saiba, o Corão permite a prática do Cristianismo e Judaísmo, em locais reservados (o que no caso da Arábia Saudita se deverão limitar às casas dos mesmos) e desde que estas práticas não interfiram com as vidas dos crentes (islâmicos), seja a título de exemplo através de tentativa de conversão como muito simplesmente de "ruído" causado pela prática da mesma (efectivamente conheço vários casos destes mesmo cá).

Por isso... questiono os exemplos apresentados, até à apresentação de mais dados sobre os mesmos, concretamente.

PEDRO escreveu:
Como disse recentemente um padre ortodoxo da Ilha de Chipre: "A islamização da Europa já está em andamento, porque os cristãos já não crêem como antes e a Europa não tem personalidades nem políticos com fé cristã capazes de resistir a isso".

Muito bem dito... "...os cristãos já não crêem como antes...", o que leva a pensar que efectivamente a islamização de que a Igreja se queixa é apenas fruto da sua própria incapacidade de contentar aqueles que procuram uma ajuda espiritual. Pois se assim não fosse, então não haveria esta islamização pois não?

Agora, o que igualmente podemos ver é que a Igreja ao ver a sua preponderância em perigo/jogo opta por retornar aos tempos das "Cruzadas", apelando para a protecção da Igreja...

E ainda me dizem que a Igreja de hoje não tem nada a ver com a do passado e que os meus medos em existir alguma ligação, mesmo que superficial, entre o Estado e a Igreja são infundados...

LOL

IzNoGuud
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://www.monarquicos.com
PEDRO
Capitão de Mar e Guerra
Capitão de Mar e Guerra


Número de Mensagens : 20
Data de inscrição : 22/05/2006

MensagemAssunto: Re: Igreja contesta islamização da Europa   Qua 22 Ago - 16:17:04

Pois temos raízes islâmicas no sul da península. Mas que foram cultivadas à força. Porém já foram desenraízadas.
Um dos princípios básicos do Islão está enraizado no dogma da perfeição da Oumma, perfeição que a vincula à obrigação consagrada de dirigir o mundo inteiro.
O Islão, permaneceu e permanece imobilizado, salvo algumas excepções, num discurso teológico e filosófico dogmático, encerrado em si mesmo, naturalmente incapaz de ler e perceber a modernidade.

O Islão, no seu conteúdo teológico e na sua prática social e política apresenta-se como um inimigo natural dos Europeus.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Josephus
Comodoro
Comodoro


Número de Mensagens : 48
Data de inscrição : 09/07/2007

MensagemAssunto: Re: Igreja contesta islamização da Europa   Qua 22 Ago - 16:29:03

PEDRO escreveu:
Pois temos raízes islâmicas no sul da península. Mas que foram cultivadas à força. Porém já foram desenraízadas.
Um dos princípios básicos do Islão está enraizado no dogma da perfeição da Oumma, perfeição que a vincula à obrigação consagrada de dirigir o mundo inteiro.
O Islão, permaneceu e permanece imobilizado, salvo algumas excepções, num discurso teológico e filosófico dogmático, encerrado em si mesmo, naturalmente incapaz de ler e perceber a modernidade.

O Islão, no seu conteúdo teológico e na sua prática social e política apresenta-se como um inimigo natural dos Europeus.


Ainda bem Q existe gente como tu Pedro cheers

"Secular progressive freeks" -their intent is the destrucion of The Cristian World
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
IzNoGuud
Almirante da Armada
Almirante da Armada


Masculino
Número de Mensagens : 258
Data de inscrição : 26/12/2006

MensagemAssunto: Re: Igreja contesta islamização da Europa   Qua 22 Ago - 17:14:48

PEDRO escreveu:
Pois temos raízes islâmicas no sul da península. Mas que foram cultivadas à força. Porém já foram desenraizadas.

Lol... Quais foram as raízes que não foram cultivadas à "força"?
O Algarve alguma vez quis ser Português? ou a Andaluzia Castelhana?

Meu caro, TODAS as raízes foram cultivadas à força... onde se incluem as "suas" raízes cristãs.

Quanto ao terem sido desenraizadas... Tenho as minhas dúvidas quanto a isso, mas isso sou eu que por cá vivo e vejo de perto os hábitos das pessoas... aceitando até que possa estar errado.

Nota: Não estou a falar de crenças meu caro, isso é a primeira coisa a se perder...

PEDRO escreveu:
Um dos princípios básicos do Islão está enraizado no dogma da perfeição da Oumma, perfeição que a vincula à obrigação consagrada de dirigir o mundo inteiro...

E eu que pensava que o Cristianismo era igual... tenho de ir procurar pelos "livros" que foram acrescentados à Bíblia no último concílio a ver se há novidades.

PEDRO escreveu:
O Islão, permaneceu e permanece imobilizado, salvo algumas excepções, num discurso teológico e filosófico dogmático, encerrado em si mesmo, naturalmente incapaz de ler e perceber a modernidade.

Há... isso quer dizer que a Igreja Católica sabe dar resposta ao excesso de população a nível mundial, tal como está a saber dar resposta ao optar por proibir o recurso ao aborto às mulheres que são violadas, ou mesmo a acusar e procurar censurar uma Organização Humanitária apenas por esta defender, no Darfur, o recurso ao aborto para as mulheres que foram violadas, o que por ali acontece de forma... sistemática.

Como é que eu não consegui ver que a Igreja Católica era um exemplo do adaptar dos tempos às modernices de agora...

"...mea culpa, mea culpa, mea maxima culpa..."

PEDRO escreveu:
O Islão, no seu conteúdo teológico e na sua prática social e política apresenta-se como um inimigo natural dos Europeus.

Inimigo é o medo que nos leva a apontar o dedo aqueles que seguem caminhos que não os nossos.
Primeiro é preciso aprender os porquês das coisas e somente depois fazer julgamentos...

Mas como de julgamentos e de piras está a Igreja Católica replecta... O que serão mais umas quantas, não é mesmo?

Um abraço humano,

IzNoGuud
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://www.monarquicos.com
IzNoGuud
Almirante da Armada
Almirante da Armada


Masculino
Número de Mensagens : 258
Data de inscrição : 26/12/2006

MensagemAssunto: Re: Igreja contesta islamização da Europa   Qua 22 Ago - 17:23:21

Josephus escreveu:
Ainda bem Q existe gente como tu Pedro cheers

Rolling Eyes Voçês lá se entendem todos, não é mesmo? Twisted Evil

Josephus escreveu:
"Secular progressive freeks" -their intent is the destrucion of The Cristian World

1º Freaks meu caro... "Freeks" não existe.

2º Desde quando o Mundo é Cristão? E sabendo de antemão que nem sequer é esta a correcta tradução do que tu intendes dizer... desde quando um "mundo" é fechado? Vai dizer isso aos "mundos" que decairam, se eclipsaram, implodiram, crescem, etc..

lol

IzNoGuud
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://www.monarquicos.com
Josephus
Comodoro
Comodoro


Número de Mensagens : 48
Data de inscrição : 09/07/2007

MensagemAssunto: Re: Igreja contesta islamização da Europa   Qua 22 Ago - 17:45:55

Doeu-te foi??? (se precisares de Aguarrás para sarar a ferida avisa) LOL

Detesto secular progressives

http://gloriadaidademedia.blogspot.com/

PS:-Quanto às calinadas, ai mãe.....

exemplo:
... antes de partir numa aventura destas deverá, forçosamente, de se informar sobre as condições de tal

Deves mudar de nick e passar a nomear-te O Calinadas... <=CHUPA


Última edição por em Qua 22 Ago - 18:05:44, editado 2 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
PEDRO
Capitão de Mar e Guerra
Capitão de Mar e Guerra


Número de Mensagens : 20
Data de inscrição : 22/05/2006

MensagemAssunto: Re: Igreja contesta islamização da Europa   Qua 22 Ago - 17:59:50

IzNoGuud escreveu:
Rolling Eyes Voçês lá se entendem todos, não é mesmo? Twisted Evil

Muito gostam os intelectuais de escrever «vocês», com cedilha.
Laughing
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Pedro Reis
Condestável-mor
Condestável-mor


Masculino
Número de Mensagens : 537
Idade : 43
Local/Origem: : Santa Cruz
Data de inscrição : 28/11/2006

MensagemAssunto: Re: Igreja contesta islamização da Europa   Qua 22 Ago - 19:13:17

Eu penso que mais do que saber se as pessoas há 1000 queriam ser islamitas ou cristãs, é saber se as pessoas hoje querem ser qualquer uma das duas.

Izz acho que estás a ver o filme um pouco desfocado. Portugal está erigido sobre o cristianismo, nomeadamente o catolicismo, que foi seu estandarte e de certa forma ainda o é.

Penso que dadas as naturezas religiosas actuais da Europa, próprias ao Cristianismo, sob todas as suas formas e do laicismo de Estado que isso implicou, não devemos baixar a guarda e achar natural que a coberto do laicismo o islamismo se instale, a pulso da emigração, pressionando valores, princípios e conceitos, que para nós Europeus cristãos ou cristianizados são pedras basilares das nossas sociedades.

Já te vi defender muitas vezes o laicismo, a independência do Estado relativamente à(s) Igreja(s) e o respeito pelas Leis naturais do Estado, para que perante isto te veja agora achar natural que tudo o que diz respeito à nossa civilização possa estar posto em causa pela mão do Islamismo.

Penso até que já concordámos que embora haja agnósticos, ateus, animalistas, etc e tal que o ferrete cristão foi fortemente implantado debaixo das nossas peles para que em pontos essenciais da nossa civilização não concordemos todos com aquilo que nos é fundamental, nomeadamente direitos, liberdades e garantias de cidadania.

Ou estarei errado?!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Beladona
Almirante
Almirante


Feminino
Número de Mensagens : 103
Data de inscrição : 09/01/2007

MensagemAssunto: Re: Igreja contesta islamização da Europa   Qua 22 Ago - 23:07:27

Caros amigos

Não vale a pena estar à procura dos erros ortográficos e gramaticais dos nossos antagonistas ou oponentes quando não sabemos ou temos bases para lhes respondermos, é feio e fica mal só para quem tem tais atitudes, que por coincidência ou não, suponho ser religioso. Estando a minha suposição certa então o que é que o cristianismo lhe ensinou até hoje?

Bem, mas a discução trata de religião, e esse é o que tenciono focar agora.

A Religião Católica (que é a religião que se está a focar neste caso)efectivamente toma atitudes dramáticas quando se está a ver ultrapassada, e como se acha superior às outras religiões (claramente notado ao nível europeu), acusa-as de tentativas invasivas, perseguições, tudo isto no meio de uma visão catastrófica e apocalíptica do fim dos "bons", das tradições e valores morais, etc. Esquece-se é do que fez para atingir os seus fins, como aliás, qualquer outra religião que se preze.

Noto que com a ascensão ao poder deste papa de origem alemã e extremamente conservador, não me interessando em alongar mais sobre esta individualidade, a Igreja Católica está a perder cada vez mais crentes, até mesmo dentro dos seus próprios sacerdotes...

Agora, como o Islão está na moda por bons e maus motivos, é este o "mau", que nos quer invadir,e impôr todos os seus vícios perniciosos e retrógados.

O verdadeiro Islão é uma religião pacifista, específica para a cultura e mentalidade de quem dele faz uso e crença, assim como o cristianismo o é para os europeus na sua maioria.

Incentivar o medo, ou temor, ou receio, é a resposta que temos (nós cristãos) ao que nos é estranho e exótico. Mas é também a espada que se brande quando já não sabemos como combater e vencer o nosso antagonista ou rival.

O Islão não precisa do laicismo para se entranhar na Europa, os cristãos já lhe fizeram o obsécuo de lhe franquear essa porta, e sim, está a jogar (o Islão) com a cada vez maior descrença dos cristãos em especial, dos Católicos e por isso os constantes apelos do Papa Bento XVI.

O Islão só é forte porque existem cada vez mais crentes fiéis, sejam fanáticos ou não, com intenções expansionistas ou não, é irrelevante. Como já disse várias vezes: costumamos olhar os outros à nossa imagem e semelhança, e este ditado, pode ser transposto para esta situação.

Em vez de acusarmos o Islão, deveríamos de nos preocupar´é com os nossos cada vez mais descrentes, ateus, e escorraçados da Igreja por motivos vários, devido ao seu (Igreja) alto padrão de valores, e tentar a sua aderência ao cristianismo, um cristianismo humanista, não materialista, que se interesse verdadeiramente pelos seus crentes. Um cristianismo que cative as pessoas e não as escorrace, pelos motivos que todos conhecemos e são públicos.

O nosso temor (cristãos) perante os supostos avanços do Islão, só revela quanto somos e estamos fracos, independentemente de factores históricos, culturais e afins...

Hoje em dia, numa sociedade democrática e aberta, segundo os nossos parâmetros, os europeus não têm de ser forçosamente cristãos, podem ser o que bem entenderem a nível religioso, mesmo que a escolha seja a de uma crença que aos nossos olhos seja limitativa e restritiva, mas que para eles os complete espiritualmente.

Agora, se o cristianismo der as respostas aos anseios, dúvidas, temores das pessoas, se fôr, resumindo, mais humano para qualquer humano normal, poderá pensar em ter alguma resposta de retorno, caso contrário terá o abandono e a indiferença cada vez maior dos seus crentes. E depois não me venham dizer que os "outros" nos querem invadir e englobar na sua cultura e religião.

E já agora se virem algum errozito que possa molestar a vossa sensibilidade apurada, aceito as vossas doutas denúncias...

Beladona
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
PEDRO
Capitão de Mar e Guerra
Capitão de Mar e Guerra


Número de Mensagens : 20
Data de inscrição : 22/05/2006

MensagemAssunto: Re: Igreja contesta islamização da Europa   Qui 23 Ago - 0:49:05

D. Beladona, flower
Quando o seu Amigo, argumenta com: iol , iol e mais iol......

Bem adiante!

Na minha opinião,sabe-se muito bem que o Islão, e muito mais o islamismo, sua construção ideológica, é uma religião absolutista, totalitária, expansionista e mundialista, não podendo separar o religioso do temporal e do profano, não reconhecendo a autonomia da pessoa perante a livre opção religiosa, não distinguindo a “teopolis” (cidade de Deus) da “polis”(cidade dos homens).
O Cristianismo com o iluminismo e a laicidade, o judaismo com o movimento da “Haskalah” e os seus seguidores “maskalim”, conseguiram, a muito custo, superar a tentação totalitária e reducionista.
O Islão, NÃO.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Beladona
Almirante
Almirante


Feminino
Número de Mensagens : 103
Data de inscrição : 09/01/2007

MensagemAssunto: Re: Igreja contesta islamização da Europa   Qui 23 Ago - 1:21:57

Sim! E depois?...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Josephus
Comodoro
Comodoro


Número de Mensagens : 48
Data de inscrição : 09/07/2007

MensagemAssunto: Re: Igreja contesta islamização da Europa   Qui 23 Ago - 1:30:07

(Pedro) Ainda bem Q mencionas Santo Agostinho!

St. Augustine:
"If you believe what you like in the gospels, and reject what you don't like, it is not the gospel you believe, but yourself. "

Sao todos católicos(não praticantes) quando é pra apontar o dedo à Igreja hehehe

Este Blog é superbo cheers

http://athanasiuscm.blogspot.com/

Fagots & abortionists deveriam ser excomungados (incluindo o PR). Nao me esquecerei nunca do Rei Balduino ....
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Beladona
Almirante
Almirante


Feminino
Número de Mensagens : 103
Data de inscrição : 09/01/2007

MensagemAssunto: Re: Igreja contesta islamização da Europa   Qui 23 Ago - 2:51:27

Caro Josephus

Se não estou em erro é costume dizer-se que: "presunção e água benta, cada qual toma a que quer"...

Fora algumas míseras e rascas passagens em português, já deu para perceber os seus dotes linguísticos oriundos da velha Albion, mas como não estamos lá, presumo que se queira dirigir somente a alguns eleitos nos conhecimentos de tal língua, pois, que para o comum dos mortais que não aspire a tanto saber, tenha a infeliz sorte de não poder reflectir e aprofundar as suas soberbas passagens, o que é uma lástima...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
PEDRO
Capitão de Mar e Guerra
Capitão de Mar e Guerra


Número de Mensagens : 20
Data de inscrição : 22/05/2006

MensagemAssunto: Re: Igreja contesta islamização da Europa   Qui 23 Ago - 12:15:55

Há nos confins da Ibéria um povo que nem se governa nem se deixa governar.
Gaius Julius Caeser (110 - 44 aC).
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
IzNoGuud
Almirante da Armada
Almirante da Armada


Masculino
Número de Mensagens : 258
Data de inscrição : 26/12/2006

MensagemAssunto: Re: Igreja contesta islamização da Europa   Qui 23 Ago - 12:22:48

PEDRO escreveu:
IzNoGuud escreveu:
Rolling Eyes Voçês lá se entendem todos, não é mesmo? Twisted Evil

Muito gostam os intelectuais de escrever «vocês», com cedilha.
Laughing

Obrigado pela emenda que eu não me tinha dado conta desta e obrigado pelo "intelectual", é bom saber que os outros nos prezam Wink

IzNoGuud
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://www.monarquicos.com
IzNoGuud
Almirante da Armada
Almirante da Armada


Masculino
Número de Mensagens : 258
Data de inscrição : 26/12/2006

MensagemAssunto: Re: Igreja contesta islamização da Europa   Qui 23 Ago - 12:29:54

Josephus escreveu:
Doeu-te foi??? (se precisares de Aguarrás para sarar a ferida avisa) LOL

Detesto secular progressives

A ignorância doi, mas somente aqueles que não conseguem ou sabem contra argumentar Wink

Josephus escreveu:
PS:-Quanto às calinadas, ai mãe.....

exemplo:
... antes de partir numa aventura destas deverá, forçosamente, de se informar sobre as condições de tal

Uma coisa é não saber escrever, como me pareceu ser o caso e outra é inadvertidamente se escrever de forma errada/incorrecta... aqui por norma sabe-se quem é quem.

Josephus escreveu:
Deves mudar de nick e passar a nomear-te O Calinadas... <=CHUPA

Lol, chupo com todo o gosto, mas apenas aquilo que tem para ser chupado... o que no meu caso é universo ainda alargado.
Quanto ao "Calinadas", seria um nick do qual teria todo o orgulho em o usar, embora a minha preferência estivesse delineada em outros campos, que infelizmente já estão preenchidos Wink
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://www.monarquicos.com
IzNoGuud
Almirante da Armada
Almirante da Armada


Masculino
Número de Mensagens : 258
Data de inscrição : 26/12/2006

MensagemAssunto: Re: Igreja contesta islamização da Europa   Qui 23 Ago - 12:55:33

Pedro Reis escreveu:
Eu penso que mais do que saber se as pessoas há 1000 queriam ser islamitas ou cristãs, é saber se as pessoas hoje querem ser qualquer uma das duas.

Então não me venham com as tangas das "raízes", porque isso é uma bela de uma treta.
Se formos por esse ponto de vista, igualmente não há nenhum problema em relação a Olivença, pois os Oliventinos são Espanhóis de raíz. Quero com isto dizer que não há nenhum que hoje deseje ser Português.

Pedro Reis escreveu:
Izz acho que estás a ver o filme um pouco desfocado. Portugal está erigido sobre o cristianismo, nomeadamente o catolicismo, que foi seu estandarte e de certa forma ainda o é.

Lol, vais me dizer que Portugal apenas existe porque D. Afonso Henriques se lembrou de fazer cruzadas contra os infieis a seu belo prazer, sem que precisasse de pedir autorização ao Rei de Leão?
Tretas... o homem queria era ser Rei, tal como já antes se tinha tentado tornar independente o Condado pelas mãos de aqueles que "educaram" D. Afonso Henriques.

Quanto ao Portugal ter sido, ou ainda ser, o estandarte do Cristianismo... isso são fábulas que nos foram impingidas na altura de D. Manuel I.
Se o Infante D. Henrique ia à procura de riquezas para o Reino, o que era "incorrecto" para um Cristão devoto e este tinha de se escudar com a desculpa da expansão da fé. Já D. João II não teve quaisqueres preruridos quanto a isso.

Pedro Reis escreveu:
Penso que dadas as naturezas religiosas actuais da Europa, próprias ao Cristianismo, sob todas as suas formas e do laicismo de Estado que isso implicou, não devemos baixar a guarda e achar natural que a coberto do laicismo o islamismo se instale, a pulso da emigração, pressionando valores, princípios e conceitos, que para nós Europeus cristãos ou cristianizados são pedras basilares das nossas sociedades.

Meu caro, usar o laicismo enquanto desculpa para o descontentamento popular face ao cristianismo é de mais.
Onde é que o laicismo proibe qualquer culto cristão? Onde é que o laicismo impede as pessoas de serem ou praticarem um culto cristão ou não?
Tangas... o que se passa é que o Cristianismo, mais concretamente o Catolicismo (não misturar os dois), tem perdido espaço para outras religiões sendo uma delas o Islão e agora vem o Vaticano querer salvaguardar o apoio estatal para manter a Europa sob a sua esfera de influência?
Meu caro, o Catolicismo que faça pela vida tal como os demais fazem... de aqui a 200 anos pode ser que as raízes europeias já sejam islâmicas, ortodoxas, baptistas ou budistas lol.

Pedro Reis escreveu:
Já te vi defender muitas vezes o laicismo, a independência do Estado relativamente à(s) Igreja(s) e o respeito pelas Leis naturais do Estado, para que perante isto te veja agora achar natural que tudo o que diz respeito à nossa civilização possa estar posto em causa pela mão do Islamismo.

Isso é querer brincar com as palavras. Eu apenas defendo o laicismo e a TOTAL independência do Estado face a qualquer Credo. Por isso, se o Vaticano tem medo das influências perniciosas de outros Credos, meta mãos à obra e faça pela vida. A mim é-me indiferente se os Portugueses desejam ser Cristãos, Católicos, Islâmicos, Budistas, Anabaptistas, Mações ou pura e simplesmente analfabetos. Eu defendo a razão e esta diz-me que cabe aos Portugueses escolher aquilo que desejam, cabendo-me a mim apenas o papel de tentar apresentar a minha visão, seja esta mais ou menos correcta, concorde eu ou não com o caminho escolhido pelos Portugueses.
Toda a gente quer dar uma Democracia aos Portugueses, mas igualmente toda a gente quer limitar de alguma forma o poder de escolha destes... ou seja, que de Democracia nada temos nem nada deveremos esperar, pois aqueles que querem chegar ao Poder apenas, e sempre, estarão interessados em defender o seu tacho.

É esta a leitura que eu faço quando vejo tanta gente a falar sobre deveres, direitos e obrigações, para logo a seguir se vir defender restricções baseadas em um qualquer factor desenterrado de um passado já esquecido.

Pedro Reis escreveu:
Penso até que já concordámos que embora haja agnósticos, ateus, animalistas, etc e tal que o ferrete cristão foi fortemente implantado debaixo das nossas peles para que em pontos essenciais da nossa civilização não concordemos todos com aquilo que nos é fundamental, nomeadamente direitos, liberdades e garantias de cidadania.

Meu caro, a única coisa que concordámos foi que o Cristianismo, na sua vertente Católica, tal como os demais Credos marcaram e ainda marcam o Passado e Presente de Portugal. Mas nesse campo igualmente inclúo todas as passagens de povos, culturas e demais influências oriundas sabe-se lá de onde que por aqui passaram ou ainda passam.

Pedro Reis escreveu:
...Ou estarei errado?!

Eu não parto de pressupostos. Eu não luto por um Portugal de um passado remoto real ou apenas imaginado. Eu luto pelo Portugal do amanhâ, sabendo que no Portugal de hoje apenas posso deixar uma marca que faça pensar ou questionar o caminho que se percorre ou se tenta percorrer.

Se estás errado? Não creio, nunca te enganei. Mas fico sem saber se o que tu vês nas minhas palavras é aquilo que eu sempre defendi e pelo qual dou a cara.

Um abraço,

IzNoGuud
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://www.monarquicos.com
IzNoGuud
Almirante da Armada
Almirante da Armada


Masculino
Número de Mensagens : 258
Data de inscrição : 26/12/2006

MensagemAssunto: Re: Igreja contesta islamização da Europa   Qui 23 Ago - 13:06:07

PEDRO escreveu:
D. Beladona, flower
Quando o seu Amigo, argumenta com: iol , iol e mais iol......

Meu caro, se não sabe o significado de LOL, pergunte... só lhe ficaria bem.
Se sabe... então acabou de demonstrar a sua capacidade de argumentação, pois deveria conhecer o significado textual, existe também um outro significado mais mordaz... sendo esse que por norma eu uso, pois em Português infelizmente por norma não fica tão bem.

Bem adiante!

PEDRO escreveu:
Na minha opinião,sabe-se muito bem que o Islão, e muito mais o islamismo, sua construção ideológica, é uma religião absolutista, totalitária, expansionista e mundialista, não podendo separar o religioso do temporal e do profano, não reconhecendo a autonomia da pessoa perante a livre opção religiosa, não distinguindo a “teopolis” (cidade de Deus) da “polis”(cidade dos homens).
O Cristianismo com o iluminismo e a laicidade, o judaismo com o movimento da “Haskalah” e os seus seguidores “maskalim”, conseguiram, a muito custo, superar a tentação totalitária e reducionista.
O Islão, NÃO.

Quanto ao resto... efectivamente e???? quer-me dizer que há melhores e piores religiões? Meu caro, eu sou Ateu... para mim não há melhores religiões, apenas piores.
Agora quer-me dizer que por o Islão ser uma má religião, aos seus olhos, que devemos fazer uma cruzada contra esta pela Europa? Porque parar na Europa nesse caso? E já agora, porque é que o meu amigo, na sua opinião acha que se deve impor a sua visão à dos demais Europeus? Não deverão estes ser capazes de pensar por si? E se forem e optarem por escolher o Islão enquanto credo a seguir, o que tenho eu ou o meu amigo com isso?

O meu amigo enquanto se preocupa com estas questões, que a nós nada dizem respeito na minha opinião, eu prefiro preocupar-me com as questões de cariz social ou cívicas que por cá abundam.

IzNoGuud
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://www.monarquicos.com
IzNoGuud
Almirante da Armada
Almirante da Armada


Masculino
Número de Mensagens : 258
Data de inscrição : 26/12/2006

MensagemAssunto: Re: Igreja contesta islamização da Europa   Qui 23 Ago - 13:11:54

Josephus escreveu:
..."If you believe what you like in the gospels, and reject what you don't like, it is not the gospel you believe, but yourself. " ...

Amén e assim falou o homem que disse que a Igreja Católica estava errada e a Igreja Qatar correcta... infelizmente pouco tempo depois a Igreja Católica lança a Cruzada Albigense contra estes por os achar perniciosos para a fé... de quem não sei.

Josephus escreveu:
Fagots & abortionists deveriam ser excomungados (incluindo o PR). Nao me esquecerei nunca do Rei Balduino ....

Nem mais, inclua aí os Sacerdotes Irlandeses e Norte Americanos, com o conhecimento dos seus superiores em muitos casos, que enquanto saciavam a fome espiritual das famílias das suas congregações, se iam saciando com os filhos e filhas destes, que eu voto em si.

IzNoGuud
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://www.monarquicos.com
IzNoGuud
Almirante da Armada
Almirante da Armada


Masculino
Número de Mensagens : 258
Data de inscrição : 26/12/2006

MensagemAssunto: Re: Igreja contesta islamização da Europa   Qui 23 Ago - 13:31:55

PEDRO escreveu:
Há nos confins da Ibéria um povo que nem se governa nem se deixa governar.
Gaius Julius Caeser (110 - 44 aC).

Não foi Júlio César quem fez essa afirmação mas Gaius Julius Caesar Octavianus também conhecido como Augustus.

Nascido a 23 de Setembro de 63 BC e falecido a 19 de Agosto de 14 AD.

IzNoGuud
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://www.monarquicos.com
Josephus
Comodoro
Comodoro


Número de Mensagens : 48
Data de inscrição : 09/07/2007

MensagemAssunto: Re: Igreja contesta islamização da Europa   Qui 23 Ago - 15:27:45

Caro Calinadas LOL

Tanta tinta gasta, tanta calinada (+1 lol), mas só merece atenção o ultimo paragrafo:

Nao mistures casos de policia (pedofilia) com comportamento deviante (o arco iris... ) .

Desculpa ser assim but I like it short & sweet LOL
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
bernardo
Capitão de Fragata
Capitão de Fragata


Número de Mensagens : 18
Data de inscrição : 08/08/2007

MensagemAssunto: Re: Igreja contesta islamização da Europa   Qui 23 Ago - 16:24:04

O mundo já não é o que era, melhor ou pior o tempo o dirá.

Eu como Católico que sou embora não praticante, não que não goste de ir á Igreja, que pelo contrário se existe um bom local para por ideias em ordem, relaxar, ou mesmo encontrar alguma paz de espírito esse local é uma Igreja devido ao silencio e á paz que ai impera, experimentem talvez assim consigam ver as coisas de outra forma, mas como estava a comentar apesar de não ser praticante eu respeito muito a religião, os religiosos e toda a Igreja, não é por não concordar com algumas ideias ou medidas tomadas pela Igreja no passado, presente ou futuro que vou virar costas á mesma ou vir para aqui a falar mal. Cada um tem as convicções que tem e cada um vive a vida como quer, mas tem que deixar os outros terem uma opinião diferente sem ter que entrar em devaneios.
Agora a questão de comparação entre religião Católica e Islâmica não existe comparação possível, logo a começar pelo fanatismo que as separa.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
PEDRO
Capitão de Mar e Guerra
Capitão de Mar e Guerra


Número de Mensagens : 20
Data de inscrição : 22/05/2006

MensagemAssunto: Re: Igreja contesta islamização da Europa   Qui 23 Ago - 16:43:28

IzNoGuud escreveu:
[

O meu amigo enquanto se preocupa com estas questões, que a nós nada dizem respeito na minha opinião, eu prefiro preocupar-me com as questões de cariz social ou cívicas que por cá abundam.

IzNoGuud

Caro IzNoGuud,
Agora deu-lhe para um discurso redutor e pouco sui generis? lol!
Meu caro, na Sociedade Contemporânea não existe compartimentos estanques, quer no plano social-politico-religioso-cultural-desportivo......

Não lhe preocupa a invasão cultural do Islão, na Europa?

As nossas preocupações hão-de ser sempre as eternas e estéreis discussões em redor da sucessão ao Trono, e dos bailaricos das debutantes? Ora o Povo dispensa e bem essas fidalguias bobo de lana-caprina.

Um forte abraço
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
IzNoGuud
Almirante da Armada
Almirante da Armada


Masculino
Número de Mensagens : 258
Data de inscrição : 26/12/2006

MensagemAssunto: Re: Igreja contesta islamização da Europa   Sex 24 Ago - 1:42:43

Josephus escreveu:
...Nao mistures casos de policia (pedofilia) com comportamento deviante (o arco iris... ) ...

Meu caro amigo, deviante não é ser-se homossexual, mas sim tapado de plena consciência.
Como se diz na minha terra... se te incomoda assim tanto, é porque se calhar também és e ainda não o sabes.

Os direitos dos Homossexuais em tudo deveriam ser iguais aos dos demais Cidadãos, gosto muito do anúncio que agora passa na Rádio, em que uma pessoa é hipnotizada e vai imitando sons de animais à medida que lhe vão dizendo que agora é esse mesmo animal, até que lhe pedem para ser um "burro, uma verdadeira besta" e este começa aos berros a dizer que odeia pretos, detesta brasileiros, não fala com homossexuais e por aí fora...

Meu caro, não querer dar um direito que todos nós já usufruimos e que em nada vai interferir nos direitos de outros, não é defender-se um modo de vida é ser-se homofóbico e isso sim, é uma doença.

Por isso meu caro amigo, respire fundo, pare para pensar quanto ao que acredita e defenda... mas se insistir na grosseria... não se preocupe que eu tenho o sítio indicado para o amigo, fica ali para a zona da Guia no Algarve Wink

IzNoGuud
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://www.monarquicos.com
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: Igreja contesta islamização da Europa   Hoje à(s) 0:50:41

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Igreja contesta islamização da Europa
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 5Ir à página : 1, 2, 3, 4, 5  Seguinte
 Tópicos similares
-
» O QUE É A CONGREGAÇÃO CRISTÃ NO BRASIL Pergunta-se, "Porque crentes de várias denominações tradicionais, às vezes com dezenas de anos ligados às suas igreja, ao assistir apenas um culto na CCB abandonam de vez sua denominação e se unem a CCB, aceitan
» Caetano Veloso revela que seus filhos são evangélicos fiéis da Igreja Universal - Oh, Glóriaaaaaa!!!
» PREGAÇÕES BÍBLICAS DA IGREJA MUNDIAL DO PODER DE DEUS !!! APÓSTOLO VALDOMIRO SANTIAGO
» CONGREGAÇÃO CRISTÃ NO BRASIL E A VERDADE A igreja do véu. Ou a seita do véu. O QUE PENSAM?
» IGREJA LUGAR DE ADORAÇÃO A DEUS OU PONTO DE COMERCIO

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
MONARQUIA TRADICIONAL :: GERAL-
Ir para: