MONARQUIA TRADICIONAL

Nós seremos livres, nosso rei será livre, nossas mãos nos libertarão
 
InícioInício  FAQFAQ  BuscarBuscar  Registrar-seRegistrar-se  MembrosMembros  GruposGrupos  Login  

Compartilhe | 
 

 Arautos D'el Rei

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
Ir à página : 1, 2  Seguinte
AutorMensagem
rls
Capitão de Mar e Guerra
Capitão de Mar e Guerra


Masculino
Número de Mensagens : 30
Local/Origem: : Para cá do Marão
Data de inscrição : 08/03/2006

MensagemAssunto: Arautos D'el Rei   Qui 9 Mar - 22:42:08

Citando os Arautos:

http://www.arautosdelrei.org/TPcontent.cfm?ida=02ED0069-9C92-F691-99C37B34E02E37C6

Citação :


(...)
De que nos serviria ficarmos agarrados à Coroa – à qual tanto nos dedicamos – se, por vezes, nos puxam o tapete e caímos? Consideramos que não há grande vantagem em restaurar uma Monarquia se, a instituição que a originou e a sustentou, a Família, estiver cada vez mais debilitada em resultado dos constantes ataques de que vai sendo alvo, por acção da mentalidade e dos costumes laicos e republicanos. Defender a Família contra estas investidas torna-se um imperativo moral para aqueles que propugnam a restauração de um sistema fundamentado naquela que é a célula mater da sociedade. (...)

A Europa ou é Cristã ou não é Europa!

(....)

A Monarquia foi uma das mais belas criações da Civilização Cristã no campo temporal. E é uma Monarquia Cristã numa Europa Cristã que nós desejamos e pela qual lutamos.


Por vezes, ao ler certos Arautos, a minha vontade é que fique tudo como está... Mal por mal, no minimo a liberdade de ser....
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Nuno Caldeira
Capitão de Fragata
Capitão de Fragata


Número de Mensagens : 18
Data de inscrição : 25/04/2006

MensagemAssunto: Re: Arautos D'el Rei   Qua 26 Abr - 2:06:02

.


Última edição por Nuno Caldeira em Dom 28 Dez - 18:04:57, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Ana Rita Bivar
Almirante Tri-Tirocinado
Almirante Tri-Tirocinado


Feminino
Número de Mensagens : 191
Local/Origem: : Alentejo profundo
Data de inscrição : 13/02/2006

MensagemAssunto: Re: Arautos D'el Rei   Dom 28 Maio - 23:46:50

silent


Última edição por em Qua 14 Fev - 4:58:08, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://raizdepedra.blogspot.com
rls
Capitão de Mar e Guerra
Capitão de Mar e Guerra


Masculino
Número de Mensagens : 30
Local/Origem: : Para cá do Marão
Data de inscrição : 08/03/2006

MensagemAssunto: Re: Arautos D'el Rei   Seg 29 Maio - 2:14:10

Ana Rita Bivar escreveu:
É precisamente essa a parte boa de começar do zero, não estarmos presos nem comprometidos a nada excepto ás nossas convicções e todas elas devem ser respeitadas da mesma forma e a unica maneira de o fazer é separando de uma vez por todas a Igreja da politica.
Não há razão para que esta "tradição" continue quando já tantas vezes se provou o quanto prejudicial isso pode ser.
A maneira como vivemos a nossa fé ou a falta dela, só a nós diz respeito. flower

Viva!

Já nem me lembrava deste post...

Eu não teria dito melhor. Wink

Realmente, sempre que se tentou impôr às sociedades (leia-se: impôr aos outros) princípios que advêm da nossa fé, ou falta dela, os resultados foram muito negros... Infelizmente, a cegueira provocada pela fé é superior à cegueira provocada ignorancia e muito mais maligna, para todos nós.

Mas as raizes do mal estão muito entranhadas...
Basta nos lembrar-mos dos crucifixos...

------------------
Cumprimentos
RLS
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
joe war
Almirante
Almirante


Número de Mensagens : 123
Local/Origem: : Vila Real - Trás-os-Montes
Data de inscrição : 31/12/2005

MensagemAssunto: Re: Arautos D'el Rei   Seg 29 Maio - 10:52:42

Caro RLS

Depois do post da Ana Rita, o qual eu não só subscrevo como aplaudo, e do seu, que me parece ir no seu seguimento, penso que não teve um final feliz.

Citação :
Mas as raizes do mal estão muito entranhadas...
Basta nos lembrar-mos dos crucifixos...

Esta frase é muito ambigua. Eu penso que o que quer dizer é que o problema está já muito enraizado basta como exemplo ver o problema dos crucifixos nas escolas...
Como escreveu parece que o crucifixo é o simbolo do mal...

O mal não reside, como sabe, na relegião, cristâ, judaica, islamica, budista... mas sim no poder que lhes está associado. Ou pior, na forma incorrecta com que ele é usado ou exercido. Só a luz de isto é que se entendem as guerras religiosas.

joe
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Ana Rita Bivar
Almirante Tri-Tirocinado
Almirante Tri-Tirocinado


Feminino
Número de Mensagens : 191
Local/Origem: : Alentejo profundo
Data de inscrição : 13/02/2006

MensagemAssunto: Re: Arautos D'el Rei   Seg 29 Maio - 14:06:34

silent


Última edição por em Qua 14 Fev - 4:59:25, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://raizdepedra.blogspot.com
rls
Capitão de Mar e Guerra
Capitão de Mar e Guerra


Masculino
Número de Mensagens : 30
Local/Origem: : Para cá do Marão
Data de inscrição : 08/03/2006

MensagemAssunto: Re: Arautos D'el Rei   Seg 29 Maio - 21:59:00

joe war escreveu:
Caro RLS

Citação :
Mas as raizes do mal estão muito entranhadas...
Basta nos lembrar-mos dos crucifixos...

Esta frase é muito ambigua. Eu penso que o que quer dizer é que o problema está já muito enraizado basta como exemplo ver o problema dos crucifixos nas escolas...
Como escreveu parece que o crucifixo é o simbolo do mal...

joe

O crucifixo, o véu islamico, os calções da equipa de tenis do Iraque, as aulas de religião em Timor...

Todos os simbolos, religiosos ou não, que servem como arremesso contra o sistema político, são simbolos do mal. Mas é lógico que o mal não está nos simbolos, mas sim em quem os usa a coberto de uma fé que só se pode classificar de fanatismo.

A minha frase até podia ser ambigua, mas com certeza que a hora a que colocou o seu post, potencializou a dita ambiguidade. Smile
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
joe war
Almirante
Almirante


Número de Mensagens : 123
Local/Origem: : Vila Real - Trás-os-Montes
Data de inscrição : 31/12/2005

MensagemAssunto: Re: Arautos D'el Rei   Ter 30 Maio - 0:33:52

Caro RLS

Citação :
A minha frase até podia ser ambigua, mas com certeza que a hora a que colocou o seu post, potencializou a dita ambiguidade.

Com o sono,normalmente só se vê metade, pelos vistos eu vejo o dobro... vejo até o que não devo?

A menos que tenham sido horas de deitar e não de levantar....

Joe
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Pedro Reis
Condestável-mor
Condestável-mor


Masculino
Número de Mensagens : 537
Idade : 43
Local/Origem: : Santa Cruz
Data de inscrição : 28/11/2006

MensagemAssunto: Re: Arautos D'el Rei   Qua 3 Jan - 4:32:29

E devemos esquecer a tradição Cristã de Portugal?

A meu ver o anti-clericalismo, o laicismo e o ateísmo servem e são instrumentos da República.

Se preferirem ter o olho maçónico nas "naus" Portuguesas em lugar da cruz de Cristo é algo que me ultrapassa em género, número e grau, mas cada um é livre de pensar o que quizer.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Ana Rita Bivar
Almirante Tri-Tirocinado
Almirante Tri-Tirocinado


Feminino
Número de Mensagens : 191
Local/Origem: : Alentejo profundo
Data de inscrição : 13/02/2006

MensagemAssunto: Re: Arautos D'el Rei   Qua 3 Jan - 18:16:00

silent


Última edição por em Qua 14 Fev - 5:00:32, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://raizdepedra.blogspot.com
IzNoGuud
Almirante da Armada
Almirante da Armada


Masculino
Número de Mensagens : 258
Data de inscrição : 26/12/2006

MensagemAssunto: Re: Arautos D'el Rei   Qua 3 Jan - 18:52:00

Pedro Reis escreveu:
E devemos esquecer a tradição Cristã de Portugal?

Porque não? O que ganhámos com isso?

Pedro Reis escreveu:
A meu ver o anti-clericalismo, o laicismo e o ateísmo servem e são instrumentos da República.

Caro amigo, sou Ateu e nunca fui Republicano... Serei um Travesti Regimental? Wink

Pedro Reis escreveu:
Se preferirem ter o olho maçónico nas "naus" Portuguesas em lugar da cruz de Cristo é algo que me ultrapassa em género, número e grau, mas cada um é livre de pensar o que quizer.

Caro amigo a Cruz de Cristo, representava apenas a nova cara de uma Ordem, a dos Templários, como bem deve saber.
E essa não era tão... desconhecida dos ritos Maçónicos, como as mais variadas documentações parecem dar a entender. Mas posso estar errado Wink

Um abraço sorridente,

IzNo
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://www.monarquicos.com
rls
Capitão de Mar e Guerra
Capitão de Mar e Guerra


Masculino
Número de Mensagens : 30
Local/Origem: : Para cá do Marão
Data de inscrição : 08/03/2006

MensagemAssunto: Re: Arautos D'el Rei   Ter 9 Jan - 3:44:15

Viva!

Passei por aqui perto e não resisti... Wink


Pedro Reis escreveu:
E devemos esquecer a tradição Cristã de Portugal?

A meu ver o anti-clericalismo, o laicismo e o ateísmo servem e são instrumentos da República.

Se preferirem ter o olho maçónico nas "naus" Portuguesas em lugar da cruz de Cristo é algo que me ultrapassa em género, número e grau, mas cada um é livre de pensar o que quizer.

Se mudassemos alguns termos nesta citação, podíamos levar algumas pessoas a pensar que isto é um fórum fundamentalista islâmico.

Enquanto o Homem não entender que a religião é uma questão de Fé e como tal algo que individual e continuar a misturar Estado com Religião, muitas e muitas mais guerras teremos que enfrentar. E já agora, referendos.

_____________________
Cumprimentos,
RLS
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Pedro Reis
Condestável-mor
Condestável-mor


Masculino
Número de Mensagens : 537
Idade : 43
Local/Origem: : Santa Cruz
Data de inscrição : 28/11/2006

MensagemAssunto: Re: Arautos D'el Rei   Ter 9 Jan - 4:33:07

Esse pensamento é efectivamente um pensamento republicano e esta discussão eu e o amigo rls já tivemos muitas vezes!!

Reparem que eu disse cristã e não católica.

Depois o maior erro em história é o julgamento de valor. Não avaliemos actos de há 400 anos por padrões actuais...carecem de contexto. Quer-me parecer que este estigma da Igreja é comparável à escapadela da donzela que fica toda uma vida com a honra manchada...se temos de ser actuais, tolerantes, democráticos e justos, devemos contextualizar os actos à era.

Iz não se trata do simbolismo, trata-se das nossas raízes. Mesmo Ateu ages, pensas e tens padrões de cristão, pois és o fruto duma sociedade maioritariamente cristã.

Quanto ali ao amigo rls a querer chamar-me fundamentalista.....convinhamos vivemos numa república em que se celebram quantos feríados cristãos? E quantos judáicos? E quantos islãmicos? Mas afinal isto não é suposto ser laico e plural? Algo está mal então!!

Pois...ele há coisas que nem a república consegue abalar nem mutar nem eliminar...a fé e tradição das pessoas. Não a neguemos de todo, senão seremos mais Soarista que o Soares.

Relembro que o laicismo do Estado, a separação entre Estado e Religião são distintos do reconhecimento que o mesmo faz das suas origens religiosas, dos seus costumes e tradições.

Não creio que se possa acusar o Estado Inglês de ser um Estado Religioso, no entanto a Church of England coexiste. Temos nós de ter vergonha do quê mesmo?

Terei de vos lembrar que sem o fundamentalismo religioso, da reconquista, hoje provavelmente estavamos todos de rabo alçado virados pa Meca? Que Portugal era....nada...não existia? Mas afinal devemos ter vergonha do quê? Que evoluímos? Lolada...enfim.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
rls
Capitão de Mar e Guerra
Capitão de Mar e Guerra


Masculino
Número de Mensagens : 30
Local/Origem: : Para cá do Marão
Data de inscrição : 08/03/2006

MensagemAssunto: Re: Arautos D'el Rei   Sex 12 Jan - 0:46:44

Viva!

Mas que grande confusão.

Tudo começou na citação desta maravilha:
Citação :

A Monarquia foi uma das mais belas criações da Civilização Cristã no campo temporal. E é uma Monarquia Cristã numa Europa Cristã que nós desejamos e pela qual lutamos.

E isto não tem nada haver com o passado, nem com as raízes da nossa cultura e da nossa sociedade.

Isto tem mais haver com a tentativa de impor a todos, uma sociedade baseada na religião e na fé de alguns.

E dai vem o fundamentalismo: os sistemas fundamentalistas islâmicos, sejam sunitas,xiitas ou outra coisa qualquer, sofrem do mesmo mal...

A minha liberdade acaba onde começa a liberdade de cada um outro. E a minha liberdade de acreditar naquilo que bem me apetece e viver em função disso, acaba exactamente no momento em que eu possa tentar impor aos outros a minha crença.

Claro que muitas das regras da nossa sociedade tiveram origem na religião, assim como muitas crenças de hoje são reflexo da evolução que a própria sociedade sofreu. Hoje em dia ninguém tenta a impor que a terra não gira à volta do Sol, pois não?

Penso ser uma pessoa tolerante no que diz respeito à fé de cada um: cada um acredita no que bem lhe apetecer. Mas no que diz respeito as organizações/igrejas a minha intolerância é máxima, enquanto essas mesmas igrejas tentarem impor a sua crença e a sua visão do mundo aos outros. Exemplos: o debate sobre o aborto, a .... (prefiro não adjectivar) que é a doutrina do Vaticano sobre a sexualidade. Será que o sexo da pessoa com que eu vivo contribui mais ou menos para o bem comum da sociedade onde eu vivo? Mas que mal isso faz aos outros? Lá está o problema da minha liberdade afectar ou não a liberdade dos outros.

Bem, quanto ao feriados, será que por haver no calendário português o 1º de Dezembro, faz de nós uma sociedade Monárquica? Será que o 5 de Outubro faz de nós Republicanos? E já agora, quem liga ao que se comemora no 8 de Dezembro? "Será que dá para fazer ponte?" Wink

E se fôssemos, ou vivêssemos num pais islâmico? Possivelmente estaríamos a ter a mesma conversa. Digo eu... Wink


------------------
Cumprimentos
RLS
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Pedro Reis
Condestável-mor
Condestável-mor


Masculino
Número de Mensagens : 537
Idade : 43
Local/Origem: : Santa Cruz
Data de inscrição : 28/11/2006

MensagemAssunto: Re: Arautos D'el Rei   Sex 12 Jan - 1:38:18

A bem da liberdade não podes reclamar direitos a ti e nega-los a outrém. Se tens a tua liberdade, a Igreja, no seu todo, e individualmente também a tem.

Se pegarmos em direitos de organizações tanto direito tem a associação pró-aborto de impôr a sua fé como a Igreja a dela, o que eu não tenho culpa é que a intolerãncia da tolerância seja meramente uma miragem e não um facto. Sejamos tolerantes com tudo...menos com a Igreja!! Voltamos à questão do estigma e da parcialidade de critérios Rolling Eyes

Se me vais querer dizer que todos os males deste país se devem à Igreja estar lá de plantão a ver onde as pessoas votam e tendo que 75% da população vive no Porto e em Lisboa, penso que a premissa carece de base, porque a imagem do Sô Padre das Aldeias a berrar: "Ides todos arder no Inferno se botardes no aborto" tem pouco impacto por essas bandas!!

Eu não vejo qualquer problema com os feríados, o que não compreendo é o porquê dos laicos, agnósticos, ateus, anticlericais, etc folgarem nesses dias e os Judeus, Islamitas, Animalistas, etc e tal tenham, igualmente, de gramar a pastilha e quase implorar para terem o dias santos deles!! Há aqui uma completa e total subversão da separação do Estado e da Igreja!!! Vou ficar sentado à espera que os laicos, socialistas e republicanos saiam em protesto à rua contra este estado de coisas!! Laughing Cool

Agora disseca lá ali a questão da Church of England que essa convenientemente ignoraste. Mas eu dei conta a tempo!

Abraço e cumprimentos à Xana.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
rls
Capitão de Mar e Guerra
Capitão de Mar e Guerra


Masculino
Número de Mensagens : 30
Local/Origem: : Para cá do Marão
Data de inscrição : 08/03/2006

MensagemAssunto: Re: Arautos D'el Rei   Sex 12 Jan - 5:36:47

Viva!

Pedro Reis escreveu:


A bem da liberdade não podes reclamar direitos a ti e nega-los a outrém. Se tens a tua liberdade, a Igreja, no seu todo, e individualmente também a tem.


Errado. Eu não tento impor a minha fé a ninguém. Muito menos, baseado em dogmas.

Pedro Reis escreveu:


Se pegarmos em direitos de organizações tanto direito tem a associação pró-aborto de impôr a sua fé como a Igreja a dela, o que eu não tenho culpa é que a intolerãncia da tolerância seja meramente uma miragem e não um facto. Sejamos tolerantes com tudo...menos com a Igreja!! Voltamos à questão do estigma e da parcialidade de critérios Rolling Eyes


Errado. No sistema democrático cada um faz as suas opções. Para isso se fazem os referendos e as eleições. Ganha a maioria. Não me parece que a Igreja possa falar desse assunto. Pelo contrário. A tolerância deve começar em deixarmos os outros serem como são e não como nós gostariamos que fossem.

Pedro Reis escreveu:


Se me vais querer dizer que todos os males deste país se devem à Igreja estar lá de plantão a ver onde as pessoas votam e tendo que 75% da população vive no Porto e em Lisboa, penso que a premissa carece de base, porque a imagem do Sô Padre das Aldeias a berrar: "Ides todos arder no Inferno se botardes no aborto" tem pouco impacto por essas bandas!!


Não disse nada disso. Mas gostava que a Igreja se dedicasse mais às questões da Fé e me deixasse em paz, porque eu não tenho de gramar com aquilo que eles acreditam.

Pedro Reis escreveu:


Eu não vejo qualquer problema com os feríados, o que não compreendo é o porquê dos laicos, agnósticos, ateus, anticlericais, etc folgarem nesses dias e os Judeus, Islamitas, Animalistas, etc e tal tenham, igualmente, de gramar a pastilha e quase implorar para terem o dias santos deles!! Há aqui uma completa e total subversão da separação do Estado e da Igreja!!! Vou ficar sentado à espera que os laicos, socialistas e republicanos saiam em protesto à rua contra este estado de coisas!! Laughing Cool


Os feriados são o que são. Existem. Já ninguém liga puto ao que eles representam. Quando se fala na possibilidade de se acabarem com eles (religiosos ou não), aparece logo a Igreja a berrar "aqui el rei que estão a cometer uma eresia". Volto a perguntar: mas alguém sabe o que se comemora no 8 de Dezembro?

Pedro Reis escreveu:


Agora disseca lá ali a questão da Church of England que essa convenientemente ignoraste. Mas eu dei conta a tempo!


Não tenho referência a grandes clivagem na sociedade inglesa por motivos religiosos. Cada um cumpre o que lhe é pedido. Ao contrário de Portugal e Espanha, em que a Igreja têm muita dificuldade em aceitar o poder Democrático. Mas desse assunto, lá está, "eles" sabem pouco...
E espero que a nova vaga nos EUA não dure muito. Pode ser que os danos não sejam muito graves.

Serão dados. Wink


--------------------------
Cumprimentos
RLS
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Pedro Reis
Condestável-mor
Condestável-mor


Masculino
Número de Mensagens : 537
Idade : 43
Local/Origem: : Santa Cruz
Data de inscrição : 28/11/2006

MensagemAssunto: Re: Arautos D'el Rei   Sex 12 Jan - 16:46:51

rls escreveu:
Viva!

Errado. Eu não tento impor a minha fé a ninguém. Muito menos, baseado em dogmas.

Desculpa, mas sim. Não só tentas impôr a tua visão e fé das coisas, tal como te baseias em dogmas: direitos do homem, lei da separação do estado e igreja, etc. As Leis são os dogmas da actualidade e curiosamente servem para tratar todos por igual e impôr um código de conduta universal, inclusivamente para quem discorde do seu teor.

rls escreveu:

Errado. No sistema democrático cada um faz as suas opções. Para isso se fazem os referendos e as eleições. Ganha a maioria. Não me parece que a Igreja possa falar desse assunto. Pelo contrário. A tolerância deve começar em deixarmos os outros serem como são e não como nós gostariamos que fossem.

Exactamente, isto serve para ambos os sentidos. A Igreja enquanto organização, prefere ser como é e não ser como tu gostarias que ela fosse. Se as pessoas que comungam da sua doutrina o fazem de livre vontade, quem és tu para questionar as suas opções? O que escreves para além de preconceituoso é do mais antidemocrático que há.

Já agora e partindo das tuas palavras de tolerância e democracia, porque não pode a Igreja emitir opinião? Tem menos direitos que todas as outras organizações ou pessoas indivíduais?

rls escreveu:
Não disse nada disso. Mas gostava que a Igreja se dedicasse mais às questões da Fé e me deixasse em paz, porque eu não tenho de gramar com aquilo que eles acreditam.

Só não estás em paz é porque não queres, não porque a Igreja não te deixe. Vão incomodar-te a tua casa é? Isto já parece um misto de teoria da conspiração e síndrome de perseguição. Mais a mais a Igreja e os católicos também não têm de gramar com aquilo que tu acreditas. Por isso mais vale é que respeites a posição duns para que possas usufruir do respeito dos mesmos.

Se vamos por esse caminho eu gostava mais que os partidos políticos de esquerda se dedicassem mais ao trabalho de governar e deixassem de se intrometer em assuntos de Fé, do deve e do haver. Mas não...aprece que vou ter mesmo de os aceitar como eles são e esperar que eles me aceitem como eu sou. Desta permissa advém o respeito pela liberdade de expressão.

rls escreveu:
Os feriados são o que são. Existem. Já ninguém liga puto ao que eles representam. Quando se fala na possibilidade de se acabarem com eles (religiosos ou não), aparece logo a Igreja a berrar "aqui el rei que estão a cometer uma eresia". Volto a perguntar: mas alguém sabe o que se comemora no 8 de Dezembro?

Por acaso celebra-se a coroação da Imagem de Nossa Senhora de Vila Viçosa, Padroeira e raínha eterna de Portugal.

Que eu me lembre, apenas o Cavaco quis mudar de sítio os feríados e não acabar com eles, de forma a colmatar as "pontes". Quem se insurgiu foram os sindicatos e a Igreja nem foi vista nem achada no assunto...É mais um preconceito.

O que eu volto a frisar não compreender é como é que tu, um laico, celebras feríados religiosos da Igreja Católica, esse grande papão. Será por intestinamente teres o vínculo Cristão, da nossa sociedade?

O que os Arautos quizeram referir com aquele excerto é isso mesmo. Não esquecer as nossas origens, os nossos vínculos culturais e sociológicos intrínsecos ao facto de termos uma origem Cristã e não como tu interpretaste, devolver à Igreja o controlo do Estado. São coisas distintas. E sim num país como o nosso e dentro da Cristandade a posição da Igreja Católica será sempre previligiada, porque grosso modo uma franca e absoluta maioria professa essa mesma religião. A questão das maiorias é tramada!!

rls escreveu:
Não tenho referência a grandes clivagem na sociedade inglesa por motivos religiosos. Cada um cumpre o que lhe é pedido. Ao contrário de Portugal e Espanha, em que a Igreja têm muita dificuldade em aceitar o poder Democrático. Mas desse assunto, lá está, "eles" sabem pouco...
E espero que a nova vaga nos EUA não dure muito. Pode ser que os danos não sejam muito graves.

Se estamos a falar de organização hierárquica a Igreja Anglicana pouco difere da Católica, excepção feita do seu sumo-pontífice que é a Raínha!!
Sabes porque é que não tens clivagens? Porque ninguém sente que o previlégio que a Igreja Anglicana tem é contra-natura, pois essa é efectivamente a sua tradição religiosa e quem não gostar que meta na beirinha do pratoe como se diz "get over it".

A Igreja anglicana é tão ou mais democrática como a católica e devem andar pelo mesmo nível do PCP!!! Laughing O que tu não queres aceitar é a liberdade de cada associação de se organizar como muito bem lhe aprouver, porque difere do teu modelo. Mais uma vez é preconceito e uma intrusão plena nos direitos de terceiros.

Se falas dos States é curioso como os meus familiares e amigos de lá me dizem que os religiosamente liberais até são os católicos, de como em cerca de 20 Estados foi banido o ensino da Teoria da evolução em referendo, como no Estado do Alabama aos domingos é proibido vender alcóol, também por opção democrática....o que eles lá não têm é vergonha de admitir a sua religiosidade e quererem viver de acordo com ela, aplicando os seus direitos democráticos, de opinião e voto, onde as maiorias são realmente efectivas, custe a quem custar.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
rls
Capitão de Mar e Guerra
Capitão de Mar e Guerra


Masculino
Número de Mensagens : 30
Local/Origem: : Para cá do Marão
Data de inscrição : 08/03/2006

MensagemAssunto: Re: Arautos D'el Rei   Sab 13 Jan - 1:08:00

Viva!

Pedro Reis escreveu:


Desculpa, mas sim. Não só tentas impôr a tua visão e fé das coisas, tal como te baseias em dogmas: direitos do homem, lei da separação do estado e igreja, etc. As Leis são os dogmas da actualidade e curiosamente servem para tratar todos por igual e impôr um código de conduta universal, inclusivamente para quem discorde do seu teor.


Parando de brincar com as palavras:

"Um dogma, no campo filosófico, é uma crença/doutrina imposta, que não admite contestação. No campo religioso é uma verdade divina, revelada e acatada pelos fiéis. No catolicismo os dogmas surgem das Escrituras e da autoridade da Igreja Católica"

Os "dogmas" da actualidade tentam que todos sejam tratados como iguais, dentro das diferenças de cada um. Essa parte de impor um código de conduta a cada um, não sei a que te referes.

E muito sinceramente não sei onde tento impor alguma coisa a alguém...

Pedro Reis escreveu:

Exactamente, isto serve para ambos os sentidos. A Igreja enquanto organização, prefere ser como é e não ser como tu gostarias que ela fosse. Se as pessoas que comungam da sua doutrina o fazem de livre vontade, quem és tu para questionar as suas opções? O que escreves para além de preconceituoso é do mais antidemocrático que há.

Errado mais uma vez. A única questão a que eu me referia é que como a Igreja não sabe o que é a democracia, não aceita a regra de que se as pessoas não querem viver sob a moral cristã, não podem ser obrigadas a faze-lo. Internamente, como ela funciona, preocupa-me tanto como me preocupa o funcionamento da seita da esquina da rua: estou me borrifando.

Pedro Reis escreveu:

Já agora e partindo das tuas palavras de tolerância e democracia, porque não pode a Igreja emitir opinião? Tem menos direitos que todas as outras organizações ou pessoas indivíduais?

A Igreja poder pode. Ainda bem que temos o direito à opinião. O que não pode é tentar manipular no sentido daqui que deseja.

Pedro Reis escreveu:

Só não estás em paz é porque não queres, não porque a Igreja não te deixe. Vão incomodar-te a tua casa é? Isto já parece um misto de teoria da conspiração e síndrome de perseguição. Mais a mais a Igreja e os católicos também não têm de gramar com aquilo que tu acreditas. Por isso mais vale é que respeites a posição duns para que possas usufruir do respeito dos mesmos.

Bastar ver a reacção da Igreja a toda e qualquer alteração da legislação que vá contra os seus dogmas. Infelizmente não posso reconhecer à Igreja o respeito pelas opiniões que lhe são contrárias.

Pedro Reis escreveu:

Se vamos por esse caminho eu gostava mais que os partidos políticos de esquerda se dedicassem mais ao trabalho de governar e deixassem de se intrometer em assuntos de Fé, do deve e do haver. Mas não...aprece que vou ter mesmo de os aceitar como eles são e esperar que eles me aceitem como eu sou. Desta permissa advém o respeito pela liberdade de expressão.

Os de esquerda e os de direita. A Igreja não é um partido político e não pode ser colocado ao mesmo nível. Tem funções e fins diferentes.

Pedro Reis escreveu:

Por acaso celebra-se a coroação da Imagem de Nossa Senhora de Vila Viçosa, Padroeira e raínha eterna de Portugal.

Celebra-se? Quem? O que se celebra nos feriados em Portugal, sejam católicos, históricos ou outra coisa qualquer, é o dia sem trabalho, assim como um dia de férias.

Pedro Reis escreveu:

Que eu me lembre, apenas o Cavaco quis mudar de sítio os feríados e não acabar com eles, de forma a colmatar as "pontes". Quem se insurgiu foram os sindicatos e a Igreja nem foi vista nem achada no assunto...É mais um preconceito.

Quando a memória é curta.

Pedro Reis escreveu:

O que eu volto a frisar não compreender é como é que tu, um laico, celebras feríados religiosos da Igreja Católica, esse grande papão. Será por intestinamente teres o vínculo Cristão, da nossa sociedade?

Eu não celebro nada. Descanso, mais nada.

Pedro Reis escreveu:

O que os Arautos quizeram referir com aquele excerto é isso mesmo. Não esquecer as nossas origens, os nossos vínculos culturais e sociológicos intrínsecos ao facto de termos uma origem Cristã e não como tu interpretaste, devolver à Igreja o controlo do Estado. São coisas distintas. E sim num país como o nosso e dentro da Cristandade a posição da Igreja Católica será sempre previligiada, porque grosso modo uma franca e absoluta maioria professa essa mesma religião. A questão das maiorias é tramada!!

Bem, para lá dos 6 milhões de Benfiquistas....

Pedro Reis escreveu:

Se estamos a falar de organização hierárquica a Igreja Anglicana pouco difere da Católica, excepção feita do seu sumo-pontífice que é a Raínha!!
Sabes porque é que não tens clivagens? Porque ninguém sente que o previlégio que a Igreja Anglicana tem é contra-natura, pois essa é efectivamente a sua tradição religiosa e quem não gostar que meta na beirinha do pratoe como se diz "get over it".

Nops. Não há clivagens porque não há interferências do poder religioso na área do poder político. Quando isso não é respeitado, aparecem as clivagens. Basta olhar para a história recente de Espanha.

Pedro Reis escreveu:

A Igreja anglicana é tão ou mais democrática como a católica e devem andar pelo mesmo nível do PCP!!! Laughing O que tu não queres aceitar é a liberdade de cada associação de se organizar como muito bem lhe aprouver, porque difere do teu modelo. Mais uma vez é preconceito e uma intrusão plena nos direitos de terceiros.

Estou me borrifando para a organização interna do PCP, do PS, do PSD, da Igreja xpto, seita ou afim. Isso é um problema interno deles. Por exemplo, poderia preocupar-me algumas tentativas de absolutismo como as que o PCP tentou no passado. Agora como eles se entendem entre eles? Que se danem.

Pedro Reis escreveu:

Se falas dos States é curioso como os meus familiares e amigos de lá me dizem que os religiosamente liberais até são os católicos, de como em cerca de 20 Estados foi banido o ensino da Teoria da evolução em referendo, como no Estado do Alabama aos domingos é proibido vender alcóol, também por opção democrática....o que eles lá não têm é vergonha de admitir a sua religiosidade e quererem viver de acordo com ela, aplicando os seus direitos democráticos, de opinião e voto, onde as maiorias são realmente efectivas, custe a quem custar.

No EUA existe um problema de fundamentalismo religioso, que provoca aquilo que referes. Que mal provoca à população do Alabama se alguém beber um copo de vinho ao almoço de Domingo. Isso é doentio, mas com eu não sou cidadão de lá….

Prefiro não me alongar sobre a história recente da Igreja Católica nesse país. Deve ter deixado orgulhoso todo o clero que mora no Vaticano, enquanto correu bem. Quando o gato pôs a cauda de fora....

_______________________
Cumprimentos,

RLS
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
O Conjurado
Almirante
Almirante


Masculino
Número de Mensagens : 128
Local/Origem: : Lisboa
Data de inscrição : 28/12/2006

MensagemAssunto: Re: Arautos D'el Rei   Sab 13 Jan - 3:03:04

Caríssimos,

Não pude ficar indiferente ao que aqui está a ser discutido.
Aplaudo o Pedro Reis que sozinho combate a favor da fé cristã.
Ao renegarmos a fé estamos a renegar as nossas origens. Se não fosse a fé cristã, Portugal nunca teria existido. É claro que a Igreja fez das suas, mas enfim a mentalidade da época era diferente. Não podemos agora com um olhar de cidadãos do século XXI criticar o que naquela época era consentido por todos. Desde o mais miserável camponês até ao Rei.

A decadência da família e dos valores deve-se em grande parte à perda de influência da fé cristã no quotidiano actual.
Querer-se repor-se alguns valores nos dias de hoje não é ser retrógrada, pelo contrário é querer combater o materialismo e dar primazia à espiritualidade.

Se não fosse a fé, Portugal nunca teria sido um Império, pois embora os argumentos económicos para os Descobrimentos também tenham sido importantes, foi a fé que mais importância teve.

Agora dizer-se monárquico e ateu, ou mesmo até contra a fé cristã, não faz sentido.

O lema de um verdadeiro monárquico é Deus, Pátria e Rei.
Agora quem não pensa assim, a maçonaria concerteza os aplaudirá, e terá muito gosto em que se juntem a ela.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
rls
Capitão de Mar e Guerra
Capitão de Mar e Guerra


Masculino
Número de Mensagens : 30
Local/Origem: : Para cá do Marão
Data de inscrição : 08/03/2006

MensagemAssunto: Re: Arautos D'el Rei   Sab 13 Jan - 15:05:00

Viva!!!

O Conjurado escreveu:
Caríssimos,

Não pude ficar indiferente ao que aqui está a ser discutido.
Aplaudo o Pedro Reis que sozinho combate a favor da fé cristã.
Ao renegarmos a fé estamos a renegar as nossas origens. Se não fosse a fé cristã, Portugal nunca teria existido. É claro que a Igreja fez das suas, mas enfim a mentalidade da época era diferente. Não podemos agora com um olhar de cidadãos do século XXI criticar o que naquela época era consentido por todos. Desde o mais miserável camponês até ao Rei.

A decadência da família e dos valores deve-se em grande parte à perda de influência da fé cristã no quotidiano actual.
Querer-se repor-se alguns valores nos dias de hoje não é ser retrógrada, pelo contrário é querer combater o materialismo e dar primazia à espiritualidade.

Se não fosse a fé, Portugal nunca teria sido um Império, pois embora os argumentos económicos para os Descobrimentos também tenham sido importantes, foi a fé que mais importância teve.

Agora dizer-se monárquico e ateu, ou mesmo até contra a fé cristã, não faz sentido.

O lema de um verdadeiro monárquico é Deus, Pátria e Rei.
Agora quem não pensa assim, a maçonaria concerteza os aplaudirá, e terá muito gosto em que se juntem a ela.

Ora, finalmente alguém que me dá razão.

____________________________
Cumprimentos, e um bom fim de semana,
RLS
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
O Conjurado
Almirante
Almirante


Masculino
Número de Mensagens : 128
Local/Origem: : Lisboa
Data de inscrição : 28/12/2006

MensagemAssunto: Re: Arautos D'el Rei   Sab 13 Jan - 16:30:17

rls escreveu:
Ora, finalmente alguém que me dá razão.


Caro rls, fiquei confuso.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Ana Rita Bivar
Almirante Tri-Tirocinado
Almirante Tri-Tirocinado


Feminino
Número de Mensagens : 191
Local/Origem: : Alentejo profundo
Data de inscrição : 13/02/2006

MensagemAssunto: Re: Arautos D'el Rei   Sab 13 Jan - 19:58:53

silent


Última edição por em Qua 14 Fev - 5:02:23, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://raizdepedra.blogspot.com
Aidé Quental
Contra-Almirante
Contra-Almirante


Número de Mensagens : 74
Data de inscrição : 03/01/2007

MensagemAssunto: Re: Arautos D'el Rei   Sab 13 Jan - 22:30:24

oi, pessoal, tudo bem?

òh, conjurado sabe quem disse:

A César o que é de César e a Deus o que é de Deus.

Se calhar foi César ou terá sido Jesus?

Xau
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Beladona
Almirante
Almirante


Feminino
Número de Mensagens : 103
Data de inscrição : 09/01/2007

MensagemAssunto: Re: Arautos D'el Rei   Sab 13 Jan - 22:38:47

Caro Conjurado

No meu modesto entender e não querendo ferir susceptibilidades,gostaria de saber a quais origens cristãs se refere?

Por acaso,sempre pensei que se não tivermos valores próprios,os que temos por obrigação religiosa,ou outra, não valem nada,pois não são sentidos mas sim praticados por dever para com qualquer Fé...Os valores são independentes de qualquer crença religiosa.

Não falemos da expansão da Fé,porque isso tem muito que se lhe diga...

Meu caro,sou ateia e monarquica e até agora não vi incompatibilidades e devo acrescentar que não pertenço a qualquer ordem secreta ou não.

Uma coisa,é o Poder Terreno e outra o Poder Espiritual que podem conviver,mas não devem interferir um com o outro.

Um abraço da Beladona
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
O Conjurado
Almirante
Almirante


Masculino
Número de Mensagens : 128
Local/Origem: : Lisboa
Data de inscrição : 28/12/2006

MensagemAssunto: Re: Arautos D'el Rei   Sab 13 Jan - 23:06:48

Cara Ana Rita Bivar,

Creio que não me entendeu.
O que quero dizer é que já estou farto de submeter a religião da maioria às religiões das minorias. Neste caso, posso empregar a expressão que a senhora tanto gosta de usar: democraticamente correcto.
Deixemo-nos de hipocrisias. A esmagadora maioria da população portuguesa é católica. Quando foi instaurada a re(les)pública, quem é que perguntou ao povo se queria a separação da Igreja e do Estado? Como saberá, o povo português foi na sua esmagadora maioria contra essa lei.
Cara senhora, querer instaurar uma república coroada laica é compatível, agora uma Monarquia Tradicional laica, jamais será possível.

Não é um velho que lhe fala, mas sim um jovem que conhece muito bem a realidade da juventude dos nossos dias.
E o futuro da minha geração não é nada promissor. Antes será um grande vácuo.
É por isso que cada vez mais sou monárquico e tradicionalista.

Estes últimos cem anos de ataques à Igreja (excepto o período da 2ª República) mudaram muito a mentalidade dos portugueses. De honesto e trabalhador passou para corrupto e ladrão.

Cada um pratica a religião que quiser, não é isso que está em causa, mas em Portugal, país que tanto amo, jamais concordarei com a submissão da nossa religião, que foi o que nos caracterizou durante oitocentos anos.

Que me ataque quem quiser, pois sinto-me cheio de energia para combater por aquilo em que acredito.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: Arautos D'el Rei   Hoje à(s) 10:52:11

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Arautos D'el Rei
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 2Ir à página : 1, 2  Seguinte

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
MONARQUIA TRADICIONAL :: MUDANÇA DE SISTEMA-
Ir para: