MONARQUIA TRADICIONAL

Nós seremos livres, nosso rei será livre, nossas mãos nos libertarão
 
InícioInício  FAQFAQ  BuscarBuscar  Registrar-seRegistrar-se  MembrosMembros  GruposGrupos  Login  

Compartilhe | 
 

 Contra o Aeroporto da Ota

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
Ir à página : Anterior  1, 2
AutorMensagem
José Tomaz Mello Breyner
Almirante do Império
Almirante do Império


Masculino
Número de Mensagens : 734
Local/Origem: : www.yorkhouselisboa.com
Data de inscrição : 19/08/2006

MensagemAssunto: Re: Contra o Aeroporto da Ota   Qua 28 Mar - 9:57:39

António Matos escreveu:
Caro Zé Tomaz


De quem são os terrenos, onde estes democratas pretendem instalar o aeroporto da OTA?


Um abraço,

António Matos

Caro António

Não faço a menor ideia, mas em Ota... podem ser de Siqueiras ou de Belmontes, ou mesmo de Braganças (Lafões) Quinta do Archino. Mas de quem são?

Um abc~


Zé Tomaz
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
José Tomaz Mello Breyner
Almirante do Império
Almirante do Império


Masculino
Número de Mensagens : 734
Local/Origem: : www.yorkhouselisboa.com
Data de inscrição : 19/08/2006

MensagemAssunto: Re: Contra o Aeroporto da Ota   Qua 28 Mar - 14:28:08

<FONT face=Arial>Ex.mo Senhor Ministro das Obras Públicas,
Transportes e Comunicações

No passado mês de Maio, enviei uma mensagem electrónica a V. Ex.cia e uma outra a S. Ex.cia o Primeiro-ministro, solicitando um esclarecimento ao processo de decisão da localização do Novo Aeroporto de Lisboa.

Passado pouco mais de mês, recebi de ambas as partes ofícios informando-me que teria sido dada a devida atenção à minha mensagem e que as minhas considerações estariam a ser objecto de análise.

No entanto, não tendo desde então recebido qualquer esclarecimento, prossegui a análise dos vários estudos e documentos disponibilizados pelo Ministério das Obras Públicas, Transportes e Comunicações (ou por entidades por ele tuteladas), referentes aos processos do Novo Aeroporto de Lisboa e da Rede Ferroviária de Alta Velocidade, verificando a existência de algumas questões para as quais continuei a não encontrar resposta.

No dia 17 de Novembro, enviei um novo pedido de esclarecimento do qual voltei a não obter qualquer resposta.

Nesse sentido, venho novamente por este meio, como cidadão e contribuinte, solicitar a V. Ex.cia que providencie as respostas às seguintes questões, as quais me parecem legítimas e pertinentes:

1 - Porque é que o estudo elaborado pela ANA em 1994 (que identifica a Base Aérea do Montijo como a melhor localização para o novo aeroporto e que classifica a Ota como a pior e mais cara opção) não se encontra disponível no site da NAER?

2 - Porque é que o estudo elaborado pela Aeroports de Paris em 1999 (que recomenda a localização do NAL no Rio Frio e que classifica a Ota
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
José Tomaz Mello Breyner
Almirante do Império
Almirante do Império


Masculino
Número de Mensagens : 734
Local/Origem: : www.yorkhouselisboa.com
Data de inscrição : 19/08/2006

MensagemAssunto: Re: Contra o Aeroporto da Ota   Qua 28 Mar - 14:32:32

Este site está cheio de problemas de software. Publiquei uma carta com 21 pontos e só aparecem 2. Estranho

<FONT face=Arial>Ex.mo Senhor Ministro das Obras Públicas,
Transportes e Comunicações

No passado mês de Maio, enviei uma mensagem electrónica a V. Ex.cia e uma outra a S. Ex.cia o Primeiro-ministro, solicitando um esclarecimento ao processo de decisão da localização do Novo Aeroporto de Lisboa.

Passado pouco mais de mês, recebi de ambas as partes ofícios informando-me que teria sido dada a devida atenção à minha mensagem e que as minhas considerações estariam a ser objecto de análise.

No entanto, não tendo desde então recebido qualquer esclarecimento, prossegui a análise dos vários estudos e documentos disponibilizados pelo Ministério das Obras Públicas, Transportes e Comunicações (ou por entidades por ele tuteladas), referentes aos processos do Novo Aeroporto de Lisboa e da Rede Ferroviária de Alta Velocidade, verificando a existência de algumas questões para as quais continuei a não encontrar resposta.

No dia 17 de Novembro, enviei um novo pedido de esclarecimento do qual voltei a não obter qualquer resposta.

Nesse sentido, venho novamente por este meio, como cidadão e contribuinte, solicitar a V. Ex.cia que providencie as respostas às seguintes questões, as quais me parecem legítimas e pertinentes:

1 - Porque é que o estudo elaborado pela ANA em 1994 (que identifica a Base Aérea do Montijo como a melhor localização para o novo aeroporto e que classifica a Ota como a pior e mais cara opção) não se encontra disponível no site da NAER?

2 - Porque é que o estudo elaborado pela Aeroports de Paris em 1999 (que recomenda a localização do NAL no Rio Frio e que classifica a Ota
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
José Tomaz Mello Breyner
Almirante do Império
Almirante do Império


Masculino
Número de Mensagens : 734
Local/Origem: : www.yorkhouselisboa.com
Data de inscrição : 19/08/2006

MensagemAssunto: Re: Contra o Aeroporto da Ota   Qua 28 Mar - 14:33:42

Quem não tem cão caça com gato



<FONT face=Arial>3 - Porque é que todos os estudos e documentos disponibilizados, elaborados entre 1999 e 2005, incluindo o "Plano Director de Desenvolvimento do Aeroporto", tiveram como premissa a localização na Ota, considerada nessa altura como a pior e mais cara opção?

4 - Porque é que o documento apresentado
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
José Tomaz Mello Breyner
Almirante do Império
Almirante do Império


Masculino
Número de Mensagens : 734
Local/Origem: : www.yorkhouselisboa.com
Data de inscrição : 19/08/2006

MensagemAssunto: Re: Contra o Aeroporto da Ota   Qua 28 Mar - 14:34:10

<FONT face=Arial>4 - Porque é que o documento apresentado
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
José Tomaz Mello Breyner
Almirante do Império
Almirante do Império


Masculino
Número de Mensagens : 734
Local/Origem: : www.yorkhouselisboa.com
Data de inscrição : 19/08/2006

MensagemAssunto: Re: Contra o Aeroporto da Ota   Qua 28 Mar - 14:34:42

<FONT face=Arial>4 - Porque é que o documento apresentado
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
José Tomaz Mello Breyner
Almirante do Império
Almirante do Império


Masculino
Número de Mensagens : 734
Local/Origem: : www.yorkhouselisboa.com
Data de inscrição : 19/08/2006

MensagemAssunto: Re: Contra o Aeroporto da Ota   Qua 28 Mar - 14:35:11

como suporte da decisão de localização na Ota é apenas um "Estudo Preliminar de Impacto Ambiental", no qual questões determinantes para a localização de um aeroporto (operações aéreas, acessibilidades, impacto na economia) foram tratadas de um modo superficial, ou não foram sequer afloradas?
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
António Matos
Capitão de Mar e Guerra
Capitão de Mar e Guerra


Masculino
Número de Mensagens : 28
Idade : 53
Local/Origem: : Vila Real
Data de inscrição : 22/12/2006

MensagemAssunto: Re: Contra o Aeroporto da Ota   Qui 29 Mar - 14:52:33

Caro Zé Tomaz

Parece que os terrenos mudaram de dono recentemente. Será verdade?

Quem serão os novos donos? Se soubermos quem são os novos donos, talvez compreendamos a insistência da construção do aeroporto na OTA.

Se for verdade, o escândalo talvez seja maior que o da prisão de Rosário Poidimani.


Um abraço,

António Matos
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://amt.no.sapo.pt
Pedro Reis
Condestável-mor
Condestável-mor


Masculino
Número de Mensagens : 537
Idade : 43
Local/Origem: : Santa Cruz
Data de inscrição : 28/11/2006

MensagemAssunto: Re: Contra o Aeroporto da Ota   Sex 30 Mar - 0:39:32

Eu acho que na OTA vão é construir uma plataforma política! A verdadeira rampa de lançamento do PS, enquanto partido modernizador das infraestruturas nacionais e enriquecedor dos bolsos de alguns, isto, claro está, na visão globalizante de não se perder os low cost, que iriam para madrid, como é conveniente dizer...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
José Tomaz Mello Breyner
Almirante do Império
Almirante do Império


Masculino
Número de Mensagens : 734
Local/Origem: : www.yorkhouselisboa.com
Data de inscrição : 19/08/2006

MensagemAssunto: Re: Contra o Aeroporto da Ota   Qua 4 Abr - 16:44:13

25 de Março de 2007

Caro José Sócrates,

Envio-lhe a seguir uma carta dirigida ao António Guterres, em 1999, sobre o aeroporto da Ota que publiquei em vários jornais (nomeadamente no "Público" de 26/6/99). Em anexo envio um texto que o nosso camarada Reis Borges, antigo deputado do PS e membro do Conselho Superior da Obras Públicas, me autorizou a publicar na véspera de morrer, em Setembro último. Este texto seguiu-se a uma série de artigos que ele publicou no Diário de Notícias, que devem ser lidos e meditados por quem tiver de tomar decisões sobre grandes obras públicas em Portugal.

Nós não vimos no aeroporto da Ota unicamente uma obra cara, com
inconvenientes do ponto de vista aeronáutico, de dificilima construção e com maus acessos. Vimos, sobretudo, uma obra que atrofiava o nosso País, por ser acanhada à partida, não ter possibilidades de expansão e deixar a possibilidade de construção de um outro aeroporto, necessário dentro de alguns anos, nas mãos do futuro concessionário. (Com uma localização do NAL que permita a sua construção faseada, a privatização da ANA pode ser evitada agora, e talvez sempre. Uma privatização superior a 50% significa, claramente, uma transferência para outros dum poder de tomar decisão que conviria ao País manter).

Não há, rigorosamente, nenhum argumento sério que justifique a construção de um aeroporto na Ota. Os engenheiros começaram agora a discutir os problemas desta construção e dos seus acessos, que em grande parte ainda não passam de meros esboços.

Estou certo que poderemos chegar a boas soluções nos problemas da
localização do novo Aeroporto de Lisboa (NAL) e do traçado da futura rede ferroviária, se eles forem convenientemente discutidos fora, e também dentro do PS.

O governo poderá certamente contar com um franco apoio dos técnicos se, na Cimeira Ibérica deste ano, propuser a construção com alta prioridade da linha de TGV de Badajoz ao Pinhal Novo. Se tal for feito, teremos uma folga para discutir seriamente o problema da travessia ferroviária do Tejo e da estação terminal dos TGV em Lisboa.Poderemos começar uma obra a curto prazo e os engenheiros terão tempo para se inteirar das dificuldades da construção e do impacto ambiental do aeroporto da Ota. Com a rede ferroviária definida a Sul do Tejo, será facil escolher uma conveniente alternativa para a localização do NAL.

É este, certamente, o desejo dos portugueses.

Com as minhas melhores saudações socialistas

António Brotas


CARTA ABERTA AO PRIMEIRO MINISTRO SOBRE O AEROPORTO (1999)
*

Caro Guterres,

Acho que lhe devo dizer que a construção do futuro aeroporto na Ota é uma
decisão em absoluto errada, altamente gravosa para o país, o que com o tempo
se tornará cada vez mais evidente.

Envio-lhe uma fotocópia da folha 30 D da Carta Geológica de Portugal com a
indicação da implantação do aeroporto na Ota prevista pelos "Aeroport de
Paris". Esta implantação obriga a uma movimentação de terras da ordem dos
50.000.000 de metros cúbicos (cêrca de 5 vezes a actual movimentação de
terras anual em todo o país).

Mas, os ADP, não notaram, ou não se importaram, com o facto da implantação
indicada obrigar a canalizar, não unicamenter a Ribeira do Alvarinho, com
uma bacia hidrográfica de 10 Km2, mas, também, a Ribeira da Ota com uma
bacia hidrográfica muito maior. Esta obra, altamente contra indicada,
obriga, se se insistir em construir o aeroporto na Ota, a construi-lo mais
para Oeste, o que obriga a fazer uma movimentação de terras francamente
maior.

Em qualquer caso, o aeroporto ficará um aeroporto acanhado, com duas pistas
e sem qualquer possibilidades de expansão, o que é, de facto, confrangedor,
quando se vê que está prevista a construção até uma 5ª pista do aeroporto de
Barajas em Madrid, que poderá, assim, receber até 45 milhões de passageiros
ano, estando já os espanhois a prever a sua duplicação ou a sua substituição
por outro que permita receber 90 milhões.

Grande parte dos acessos e do próprio aereoporto, que ficará a uma cota de
cêrca de 30 m, terá de ser feita sobre lodos, argilas e areias argilosas do
leito de ribeiras, com cotas de 5m, que terão de ser consolidadas, obra
sempre delicada, antes de serem feitos os aterros. A autoestrada, por
exemplo, ainda continua a ter assentamentos na zona em que passa sobre uma
pequena ribeira antes do viaduto da Ota. Uma obra destas não deve ser
construida sem sondagens muito cuidadas. Enquanto não são feitas, que se
procure, ao menos, a informação existente, que mais não seja ao nível dos
trabalhos da cadeira de Geologia dos alunos do 3º ano do Técnico.

Os acessos, rodoviários e ferroviários, que terão de entrar pelo Sul, são,
de facto, um problema complicado, que poderá encarecer muito a obra.

Note-se, que não foi ainda indicado, e não se vê facilmente onde poderão ser
construidos , os parques de estacionamento de automóveis, em absoluto
necessários ao lado de um aeroporto, aparentemente neste caso esquecidos.
Entre os 5 e os 30 metros nem sequer sabemos a que cota ficarão.

Não parece estar ainda quantificado o custo da duplicação da autoestrada,
paralela e a oeste da actual, considerada necessária para assegurar o acesso
ao aeroporto da Ota. Quem viajar para o Norte pela estrada actual e olhar
para a esquerda e vir o relevo não poderá, no entanto, deixar de ficar
impressionado com o que poderá custar.

Não refiro aqui outras questões relacionadas com a localização do novo
aeroporto umas, porque exigem uma discussão ampla e aberta, que gostaria que
viesse a ser feita nos meios universitários, outras, porque exigem estudos
técnicos que, depois de feitos, devem ser sujeitos à crítica dos
especialistas ou, pelo menos, de quem os entenda. São exemplo, os estudos
sobre segurança aérea que incluem as questões relacionadas com ventos,
nevoeiros e choques com aves - é impressionante a ligeireza e
superficialidade com que vejo referir esta última questão, e usa-la como
argumento sem apoio em dados ou estudos minimamente suficientes.

Limitei-me a apresentar elementos, que penso suficientes, para excluir,
desde já, a localização na Ota. Quem não tiver esta opinião, o que tem a
propor é a continuação dos estudos, da solução da Ota e da solução do Rio
Frio. Se, porventura, os estudos aprofundados da solução do Rio Frio, que
tem, aliás variantes, vierem a desaconselhar esta solução, o que há a fazer
é estudar outras soluções que o país, felizmente, tem outras possiveis.

O que não admissivel, é com estudos superficialmente referidos e mais do que
insuficientes, eliminar desde já a solução Rio Frio e, deste modo, pretender
fazer aceitar a solução da Ota, que tem os gravíssimos inconvenientes
referidos no início desta carta, que ninguém rebateu.

O Guterres, como eu, é engenheiro. É Primeiro Ministro, mas o país é tanto
meu como seu. Escrevi esta carta procurando usar uma linguagem de
engenheiro. Mas, pode crer, sinto-me triste e inquieto ao ver hoje no título
de um jornal, uma notícia que, a ser verdade, não tenho dúvida, prejudica e
inferioriza muito o meu país.

Com as melhores saudações subscrevo-me(24/6/99)

António Brotas
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
António Matos
Capitão de Mar e Guerra
Capitão de Mar e Guerra


Masculino
Número de Mensagens : 28
Idade : 53
Local/Origem: : Vila Real
Data de inscrição : 22/12/2006

MensagemAssunto: Re: Contra o Aeroporto da Ota   Qua 4 Abr - 20:11:24

Caro Zé Tomaz

A insistência destes democratas em construirem o novo aeroporto de Lisboa, na Ota, leva-me a crer que é verdade que os actuais donos dos terrenos onde se prevê a implatação do aeropoto, sejam de pessoas ligadas ao aparelho do PS, como a Secretária de Mário Soares, Vera Jardim, Almeida Santos, etc. Quanto custarão os terrenos?

A propósito do Guterres ser Eng., parece que este também o era porque tirou o curso após 25 de Abril, com todas as passagens administrativas típicas dessa altura, no entanto, também ao que parece, é do ramo de Química, e daí, que as palavras do Eng. António Brotas lhe tenham entrado por um ouvido e saido por outro.

Em todo o caso quanto mais asneiras fizerem estes democratas mais nós deviamos aproveitá-las para os denegrir colectivamente. Afinal, tanta vertente prática da vida dá nestes elefantes brancos?

Tenha uma Santa Páscoa,

António Matos
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://amt.no.sapo.pt
José Tomaz Mello Breyner
Almirante do Império
Almirante do Império


Masculino
Número de Mensagens : 734
Local/Origem: : www.yorkhouselisboa.com
Data de inscrição : 19/08/2006

MensagemAssunto: Re: Contra o Aeroporto da Ota   Seg 30 Abr - 19:49:33

Enviada: Seg Abr 30, 2007 4:42 pm Assunto: E se em vez da Ota pensarmos no Bugio?






Caros Amigos

Será que é loucura?

http://www.yousendit.com/download/WUJiRFFjNDJTRTQwTVE9PQ

Penso que é uma hipótese interessante.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Valdez
Almirante do Império
Almirante do Império


Número de Mensagens : 926
Local/Origem: : www.reifazdeconta.pt.vu
Data de inscrição : 13/12/2006

MensagemAssunto: RE   Ter 1 Maio - 19:24:45

Caro Zé Tomaz a tua proposta é tão visionária que até os ET´s já lá tem uma base aérea. Foi detectada pela estação orbital!

http://www.shtareer.com.br/materias/me.php?ac=18
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://realcasaportuguesa.org
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: Contra o Aeroporto da Ota   Hoje à(s) 10:49:55

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Contra o Aeroporto da Ota
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 2 de 2Ir à página : Anterior  1, 2
 Tópicos similares
-
» Reportagem de quase 30 minutos da TV Record faz sérias acusações contra o apóstolo Valdemiro Santiago. Assista na íntegra
» PROTESTO CONTRA A ADMINISTRAÇÃO DA CCMJ E SEUS RESPONSÁVEIS.
» O feitiço virou contra o feiticeiro !!Agora eles chamam nós de Sectários !!!
» Se Deus é por nós CCB, quem será contra nós?
» MINISTÉRIO DE RIO PRETO ESTÁ FALANDO CONTRA INTERNET NOS CULTOS CONSTANTEMENTE - CONTRARIANDO O PRÓPRIO ENSINAMENTO DA CCB

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
MONARQUIA TRADICIONAL :: MUDANÇA DE SISTEMA-
Ir para: